Ano Letivo

2016

Unidade Curricular

Tese de Mestrado

Ano Curricular


Orientação

Cidália Silva

Lugar de Intervenção

Guimarães, Portugal

De campo de futebol a Campo de relações

No difuso de Guimarães através de 54 campos

Miguel Fernandes

 

Esta investigação consiste num estudo sobre o papel do campo de futebol no território difuso contemporâneo do Vale do Ave.

Neste trabalho, a dimensão popular do campo de futebol é o pretexto para uma leitura despretensiosa das transformações sócio-espaciais a que a amostra recolhida está sujeita, traduzindo-as em matéria de interpretação territorial.

 

“Os jogadores foram substituídos por uma vaca e mil quadrados” e “O relvado foi transformado em pelado e a relva transferida para decorar rotundas” são os dois capítulos que estruturam e refletem sobre o material recolhido. Enquanto, no primeiro, se identificam as múltiplas formas e usos do Campo – num registo cíclico – entre o futebol e o social; no segundo abordamos as relações e processos de transformação entre Campo e território numa temporalidade linear.

Como consequência da escala da amostra, o trabalho resulta ainda numa catalogação dos 54 Campos interpretados, que são reunidos e compilados num segundo volume onde se sistematizam as informações recolhidas durante o processo de investigação.